sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

Peças que contam nossa história....

Oi amados, tudo bem?
Hoje venho pra falar das relíquias que temos em casa e muitas vezes deixamos lá guardadinhas...
Um vaso antigo, que foi da vó, da tia, da prima e você tem guardadinho no fundo do seu armário.
Uma peça que fala de você, peças herdadas da sua família, presentes, dados por amigos , peças que nos remetem a doces momentos vividos, peças "afetivas" nos remetem ao amor que nos cerca...
Semana passada foi aniversário das crianças aqui em casa e como de costume, sirvo café na cama pra eles, rs!
Amo fazer isso, ou sirvo o café na cama ou faço uma mesa linda de café da manhã, com tudo que o aniversariante gosta, Lely faz aniversário dia 17 e Luan dia 18. Pra que cada um tenha seu dia especial, faço esse carinho a eles...
E no dia da Leticia, me lembrei de uma bandeja que tenho guardada, tava em cima do armário da cozinha, "isolada", por medo de estragar, quebrar e ela é muito especial, foi pintada a mão por minha sogra, em 1976, ano que meu esposo nasceu, a bandeja é datada e assinada por ela, imaginem o valor sentimental que tem pra nós, especialmente pro meu esposo.
É um verdadeiro tesouro!


E além de ter história é uma peça lindíssima!
Bandeja em madeira, fundo em azulejo, com a pintura linda, de um "cacho" de flores que cai.
Maravilhosa!!!


Essa bandeja não estava conosco, ela estava guardada na casa da vó Mariazinha, vó do meu esposo, ficou lá por muitos e muitos anos e numa viagem que fomos a sua casa, ela nos deu a peça de presente. 
Imaginem a nossa alegria ao receber esse presente precioso!

Assinada e datada.

E nessa bandejinha, coloquei peças que considero preciosas, castiçais, que ganhei num dia das mães, vasinho de cristal que era de uma pessoa muito especial, minha muito sonhada bomboniere, que eu me dei de presente, rs!

Mas então, no dia do aniversário da Lelynha seu café da manhã, foi servido nessa preciosidade, minha sogra faleceu quando a Lely tinha 2 anos e 12 anos depois é como se ela estivesse presente nesse dia, esse é o valor das peças afetivas, que muitas vezes estão guardadas no fundo do armário.
Valorize!
Use!
As peças "afetivas", elas não tem preço, mas sim muito valor para nós.
E você tem peças afetivas?
Me conta...

Bj no coração






2 comentários:

  1. Ah!!!! Que linda a história da sua bandeja, me emocionei muito. ♥

    ResponderExcluir
  2. Peças assim são verdadeiros tesouros, sem dúvida. Além disso são de extremo valor para quem as usa. Feliz semana.

    ResponderExcluir

Obrigada por passar um tempinho comigo!
Seu comentário é muito importante para mim.
Bjs Jana Cassis.

"Não tenho culpa se meus dias têm nascido completamente coloridos e os outros cismam em querer borrar as cores. Não tenho culpa se meu sorriso é de verdade e acontece por motivos bobos, mas bem especiais. Não tenho culpa se meus passos são firmes. Não sou perfeita... Eu tropeço e caio de vez em quando, aliás, eu caio muito. Meus olhos... Tem brilhado bem diferente ultimamente. E brilham diferente a cada dia... e começo a me preocupar... pois tenho medo da velocidade dessas alterações... E no meu mundo mais lindo e completo não consigo entender a existência de algumas pessoas. Mas o mundo aqui não é dos mais justos mesmo... Compreendo. Mas mesmo assim, eu tenho bastante lápis de cor... Empresto pra quem quiser pintar a vida. Mas por favor... Não borrem a minha." Essa sou eu tentando colorir a vida... Beijos mil a todas!! Jana Cassis.